o lado B da web 2.0: que crianças sao essas?

Share

faz tempo que venho sinalizando pra isso de inuuuuuumeras formas: a experiencia online nao é da mesma natureza e riqueza da experiencia direta. eu sempre alertei: há riscos, há armadilhas, há que se tomar cuidado.
(well, nao preciso dizer que discursos desse tipo nao fazem o menor sucesso)
acabo de ouvir uma entrevista genial com um academico da UCLA que está descobrindo que:

  • a geração mais nova pode estar perdendo a capacidade de empatia
  • a geração mais nova pode estar perdendo a capacidade de “ler” emoções alheias
  • a geração mais nova pode estar criando deficiência da atenção
  • a tecnologia está alterando, enfim, como nossos cérebros funcionam… e não necessariamente para melhor.

ouça um resumo rápido daquilo que deve ser um alerta importantíssimo para quem cria internet e cria… crianças

Leave a Reply